Pedreiro Waldemar


1947


Autor: Roberto Martins e Wilson Batista
Intérprete: Black-out
Gênero: Marcha


A marchinha do “Pedreiro Waldemar”, aquele que “faz tanta casa / e não tem casa para morar”, é um clássico em matéria de crítica social. Mas é também um sinal do agravamento da situação econômica, marcada pela forte carestia e pela contenção dos salários, e da radicalização da situação política, após a formação do governo de “união nacional” em torno de Dutra – na verdade, um governo de união das forças conservadoras.

“Você conhece o pedreiro Waldemar?
Não conhece? Mas eu vou lhe apresentar
De madrugada toma o trem na Circular
Faz tanta casa, mas não tem casa pra morar

Leva a marmita embrulhada no jornal
Se tem almoço, nem sempre tem jantar
O Waldemar, que é mestre no ofício,
Constrói um edifício e depois não pode entrar"



veja item anterior    vá para o topo do página
lista todos   comente   envie por e-mail   veja próximo item
 
Não deixe de conferir as músicas que contam a história política do Brasil [mais]
Lista completa
Nesta seção, você encontra alguns dos textos mais importantes, sugestivos e saborosos da vida política brasileira [mais]

Assine o canal RSS

Receba os novos artigos no momento em que eles entrarem no site. [mais]
cadastre-se

Receba o boletim

Cadastre-se para receber os principais comentários por email [mais]